Essa imagem é uma resposta, ou uma alfabetização, a uma dúvida criacionista.

Alguns fatos: O fóssil conhecido hoje que mais chega perto de ser o ancestral comum de seres humanos e chimpanzés é o Sahelanthropus tchadensis. Não se conhece nenhum fóssil da linhagem dos chimpanzés; por outro lado, existem muitos fósseis de outras espécies de seres humanos e hominídios diversos: https://goo.gl/t270CA

13769561_1030710240379199_8453729264157643725_n

A bifurcação ocorreu por volta de 6 milhões de anos atrás, onde hoje é o Vale do Grande Rift, na África. Duas sub-populações de grandes primatas da espécie de nosso ancestral direto se subdividiram graças à barreira geográfica e isso dificultou ou mesmo cortou o fluxo gênico, com uma sub-população ficando nas savanas e dando origem à linhagem humana e a outra ficando nas florestas, dando origem à linhagem dos chimpanzés. A linhagem humana, desde que se separou da linhagem dos chimpanzés, passou por “sub-bifurcações”, mas a linhagem única é a representada originalmente na imagem. (Esta é uma ilustração que representa aproximadamente a evolução da linhagem humana sem ser em anagênese: http://goo.gl/0P9umV)

Nem todas as espécies colaterais de seres humanos deixaram de existir graças ao gradualismo filético — por suas próprias especiações, deixaram de existir por n outros fatores também. A regra na evolução biológica é que exista uma linhagem mestra, e ela existe e é representada na imagem.

O ancestral comum NÃO É o chimpanzé moderno (como pressuporam na imagem da esquerda). Esse é um erro recorrente cometido por quem se recusa a estudar a evolução das espécies. Imagem original criacionista: http://goo.gl/I34Y2r.

Parceria entre UFRN e Funasa beneficiará 86 cidades do RN, incluindo Santo Antônio.

180321Tribuna do Norte – Um projeto realizado entre a Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) e a Fundação Nacional da Saúde (Funasa), irá beneficiar 86 municípios do Estado carentes em saneamento básico. O projeto irá conceder apoio técnico, além de capacitação, para elaboração dos Planos Municipais de Saneamento Básico (PMSBs). A iniciativa terá início oficialmente hoje (7), com a realização de uma conferência geral no auditório da Reitoria da Universidade. De acordo com a coordenação do projeto, o evento desta quinta-feira, tem como principal objetivo esclarecer aos gestores das cidades participantes como se dará a iniciativa.

Segundo o coordenador da ação, o professor do departamento de Geografia da UFRN, Aldo Dantas, nos próximos meses, cidades com menos de 20 mil habitantes e com carência em saneamento básico receberão oficinas de capacitação, de forma que cada município fique apto a elaborar seu próprio plano de saneamento.

Aldo Dantas informou que a capacitação dos gestores, além do apoio técnico prestado, terá o objetivo de auxiliar os municípios a cumprir lei 11.445/2007 que estabelece as diretrizes nacionais de saneamento básico. “Em 2015, o Governo Federal decretou que os municípios precisam ter o plano de saneamento. O prazo para elaboração dos planos termina em 31 de dezembro de 2017. Em função da dificuldades dos municípios, o Ministério das Cidades e a Funasa resolveram ajudar”, explicou.

Continuar lendo

Médico preso por desviar milhões do SUS era ‘militante anti-corrupção’

medico-neurocirurgiao-erich-fonoffPragmatismo Político – Nas redes sociais, um discurso moralista em defesa da ética e várias imagens em passeatas “contra a corrupção, a favor do impeachment de Dilma, da prisão de Lula e da extinção do PT”. Na vida cotidiana, o neurocirurgião Erich Fonoff integrava esquema fraudulento no SUS. O médico foi preso pela Polícia Federal. O neurocirurgião do Hospital das Clínicas (SP), Erich Fonoff, especializado em Mal de Parkinson, foi um dos presos em condução coercitiva na última segunda-feira (18) na operação Dopamina, da Polícia Federal. De acordo com os investigadores, Fonoff e outros médicos faziam parte de um esquema criminoso de desvio de recursos públicos para a compra de equipamentos médicos. São estimados cerca de R$ 18 milhões de prejuízos aos cofres públicos.

Apesar de, supostamente, ter se beneficiado com desvios de recursos públicos, o neurocirurgião é um assíduo ‘militante’ anti-corrupção. Desde que a presidente Dilma Rousseff foi eleita em 2014, Fonoff tem frequentado inúmeros protestos pró-impeachment e, pelas redes sociais, pedia o “fim da corrupção”, pregando a prisão do ex-presidente Lula e espalhando boatos como de que o governo federal cortaria o Bolsa Família de quem não votasse em Dilma nas eleições de 2014.

Continuar lendo

Juiz Federal desmente ministro sobre prisão de “terroristas” no Brasil

juiz-ministro-terrorismoPragmatismo Político – O juiz federal Marcos Josegrei da Silva, titular da 14ª Vara Federal de Curitiba, deu uma coletiva de imprensa na tarde desta quinta-feira 21 sobre sua decisão que resultou na prisão de dez suspeitos que supostamente estariam planejando um ataque terrorista durante a Olimpíada do Rio de Janeiro, em agosto. Em sua fala, o magistrado contradisse o ministro interino da Justiça, Alexandre de Moraes, que disse horas antes à imprensa que o líder do grupo estava preso em Curitiba. “Essa questão da liderança, quero esclarecer que foi uma leitura feita pelo ministro da Justiça”, disse o juiz, que reiterou que os suspeitos não podem ser considerados “terroristas”.

“É preciso deixar bem claro o seguinte: são afirmações por internet, que pessoas fazem por meios virtuais. As prisões e as buscas buscam obter elementos que confirmem ou não isso. Nem tudo que uma pessoa preconiza no meio virtual, ela vai realizar no real”, disse ainda.

Continuar lendo

Conselheira tutelar é presa no Paraná por cobrar dívida de drogas de menor

Parana_Municip_Mandaguari.svgG1 – Uma conselheira tutelar de Mandaguari, no norte do Paraná, foi presa por suspeita de tráfico de drogas e associação para o tráfico. Segundo a Polícia Civil, ela teria cobrado uma dívida de droga de uma menor apreendida em 2015. O namorado da conselheira, um rapaz de 18 anos, também foi preso por tráfico e associação. As prisões ocorreram na quarta-feira (20).

Ainda de acordo com a Polícia Civil, as suspeitas contra o casal surgiram em junho de 2015 quando seis adolescentes foram apreendidos com porções de maconha. Na época, o Conselho Tutelar foi chamado para acompanhar a situação, e o pai de uma jovem de 15 anos suspeitou do modo como a conselheira tratava a filha. Em casa, a adolescente confirmou para o pai que conhecia a conselheira e que o namorado dela é que teria vendido a droga encontrada pela polícia.

O pai da menor registrou um Boletim de Ocorrência informando que a conselheira suspeita estava cobrando R$ 100 da filha por causa da droga apreendida. Ao investigar o caso, a Polícia Civil ainda descobriu que outro adolescente, que também foi apreendido em junho, estava sendo cobrado pela conselheira pela mesma razão. A menor confirmou a denúncia na delegacia e ainda mostrou registros de conversar por um aplicativo de celular que comprovaram a cobrança. No dia da prisão do casal, policiais civis ainda encontraram porções de maconha com os suspeitos. Ambos estão presos na delegacia de Mandaguari.

Congressistas dos EUA denunciam a ilegalidade do impeachment

4130dc01-a54f-4eff-9a27-89a3bdd3d4c4Carta Capital – Nos Estados Unidos, a denúncia sobre a farsa do impeachment de Dilma Rousseff, encampada por grandes jornais como o The New York Times, ganha força agora entre parlamentares norte-americanos. Em uma carta enviada na sexta-feira 22 a John Kerry, secretário de Estado, 33 congressistas do Partido Democrata e diversas entidades sociais e sindicatos, entre eles a influente Federação Americana do Trabalho e Congresso de Organizações Industriais, pediram ao integrante do governo de Barack Obama e provável representante norte-americano nas Olimpíadas do Rio de Janeiro para lidar de forma cautelosa com as “autoridades interinas” brasileiras e de se abster de declarações ou ações passíveis de serem vistas como um apoio dos Estados Unidos à campanha contra a presidenta eleita.

Continuar lendo

Itália lança ‘bolsa família’ para combater pobreza absoluta

e94jvtnwr3py1h76854soxau1iG – O Ministério do Trabalho da Itália lançou nesta terça-feira (19) um projeto chamado “Apoio para a Inclusão Ativa” (SIA, na sigla em italiano), que tem o objetivo de destinar até 400 euros (R$ 1,44 mil) mensais para famílias que vivem em situação de pobreza. O benefício será de 80 euros (R$ 288) por membro do núcleo familiar, respeitando o teto de 400 euros – ou seja, famílias com seis ou mais componentes receberão o mesmo que aquelas com cinco.

Para conseguir acesso ao incentivo os núcleos deverão ter Indicador da Situação Econômica Equivalente (ISEE) – criado para avaliar a situação financeira dos italianos, levando em conta renda, patrimônio e características da família – de até três mil euros (R$ 10,8 mil) e a presença de ao menos uma pessoa menor de idade, deficiente ou grávida.

Além disso, os interessados precisarão aderir a um projeto personalizado de inserção social e trabalhista, uma espécie de acompanhamento para deixar a condição de pobreza. Sendo assim, as pessoas beneficiadas deverão se empenhar na busca por trabalho e no cumprimento de objetivos educacionais (como frequência escolar) e sanitários (como vacinação). O governo acredita que o SIA beneficiará entre 180 mil e 220 mil núcleos familiares e de 800 mil a 1 milhão de cidadãos, metade dos quais menores de idade.As famílias interessadas poderão solicitar a bolsa a partir de 2 de setembro.

Continuar lendo

Viçosa, com o menor eleitorado, tem o ‘voto mais caro’ do RN

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

Pórtico do município de Viçosa/RN

Novo – Jornal – O maior gasto médio por voto possível nas eleições de 2016 no Rio Grande do Norte será com os eleitores de Viçosa, cidade que fica a 373 quilômetros de Natal, tem população de 1.714 habitantes e 1.832 eleitores. Na cidade, um candidato a prefeito poderá gastar até R$ 58,97 com cada eleitor. Lá, como para outros 127 municípios potiguares, o limite de gastos para candidatos a prefeito será de R$ 108.039,06. O fato de possuir o menor eleitorado do Rio Grande do Norte, mas contar com limite de gastos mínimo para cidades com menos de 10 mil habitantes, resulta nessa “distorção matemática”.

Continuar lendo

Pobreza, analfabetismo e morte prematura podem ser o futuro das crianças mais desfavorecidas do mundo

UNICEF The State of the World's Children 2016Unicef – Nova Iorque, 28 de junho de 2016 – Com base nas tendências atuais, 69 milhões de crianças menores de 5 anos morrerão de causas que poderiam ser evitadas, 167 milhões de crianças viverão na pobreza e 750 milhões de mulheres terão se casado ainda crianças até 2030, data limite para o alcance dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável – a menos que o mundo se concentre na situação de suas crianças mais desfavorecidas, de acordo com um relatório do UNICEF divulgado hoje.

Situação Mundial da Infância, o principal relatório anual do UNICEF, traça um cenário forte sobre o futuro que aguarda crianças mais pobres do mundo se governos, doadores, empresas e organizações internacionais não acelerarem os esforços para resolver as suas necessidades.

Continuar lendo

Robinson lança nesta sexta programa de incentivo à leitura que beneficia 250 mil alunos do RN

leitura1AgoraRN – Democratizar o acesso ao livro e oferecer mais opções de leitura aos alunos da rede estadual de ensino são os objetivos do Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado da Educação e da Cultura (SEEC), com o Programa Vale-Livro. O lançamento da edição 2016 do projeto será nesta sexta-feira (22), às 10h, no auditório da Governadoria, no Centro Administrativo. Com a iniciativa, será distribuído aos caixas escolares quase R$ 1 milhão para compra de cerca de 100 mil exemplares literários em feiras de livros e de quadrinhos em Natal e Mossoró. Ao todo, mais de 250 mil alunos do Rio Grande do Norte serão beneficiados com o programa.

Continuar lendo

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 449 outros seguidores

%d blogueiros gostam disto: